Análise dos fatores que induzem o consumidor de energia elétrica a utilizar-se de ligações clandestinas e fraudulentas

  • Paula da Silva Santos Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS).
  • José Carlos de Jesus Lopes Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS).
  • Dario de Oliveira Lima Filho Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS).
  • Adriano Marinheiro Pompeu
Palavras-chave: inovação sustentável, energia elétrica, comportamento do consumidor.

Resumo

O objetivo desta pesquisa é analisar os fatores que motivam alguns consumidores de energia elétrica de Campo Grande, MS, a utilizar-se de ligações clandestinas fraudulentas, consideradas ilegais. Este trabalho justifica-se face ao reconhecimento de que as perdas no sistema elétrico causam prejuízos às empresas operantes do setor e a seus clientes/consumidores, uma vez que os custos dessas ações ilícitas também ocasionam passivos socioambientais, e, para solucionar tais impactos, foram propostas inovações tecnológicas sustentáveis. Para atingir o objetivo proposto, utilizou-se de levantamentos bibliográficos, de revisão documental, bem como de entrevistas. Trata-se de um Estudo de Caso, por aprofundar-se nas perdas avaliadas pela Empresa Energética de Mato Grosso do Sul S/A, em Campo Grande, MS. Os elementos metodológicos permitiram perceber que o comportamento ilegal de uma parcela do consumidor de energia, em Campo Grande, não está exclusivamente associado às ações de consumidores de baixa renda. Constatou-se que as ligações clandestinas e diversas fraudes acontecem em todas as classes sociais, podendo, portanto, ser consideradas, como de ordem cultural do jeitinho brasileiro, que valoriza o ato de pagar menos a conta de energia elétrica em relação ao consumo efetivo, de forma continuada.

Biografia do Autor

Paula da Silva Santos, Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS).
Aluna do Programa de Pós-Graduação em Administração, Curso de Mestrado em Administração, pela Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS). Graduada em Administração pela UFMS.
José Carlos de Jesus Lopes, Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS).
Professor e Pesquisador da UFMS - Universidade Federal do Mato Grosso do Sul. Doutor em Meio Ambiente e Desenvolvimento, pela UFPR - Universidade Federal do Paraná.
Dario de Oliveira Lima Filho, Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS).
Professor e Pesquisador da UFMS - Universidade Federal do Mato Grosso do Sul. Doutor em Administração pela Fundação Getúlio Vargas.
Adriano Marinheiro Pompeu
Aluno do Programa de Pós Graduação Mestrado em Eficiência Energética e Sustentabilidade, pela Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS). Graduado em Engenharia de Produção pelo Centro Universitário Anhanguera de Campo Grande, MS.

Referências

AGÊNCIA NACIONAL DE ENERGIA ELÉTRICA (ANEEL). Por dentro da conta de luz: informação de utilidade pública/Agência Nacional de Energia Elétrica. 4. ed. Brasília: ANEEL, 2009. Disponível em: <http://www.aneel.gov.br/arquivos/pdf/catilha_1p_atual.pdf> Acesso em: jun. 2013.

ARMSTRONG, G.; KOTLER, P. Princípios de Marketing. 7. ed. Rio de Janeiro: Ltc, 1999. 526 p.

BARROS, C. F. P. Apropriação de tecnologias digitais e usos de celulares nas camadas populares. In: CONGRESSO BRASILEIRO DE SOCIOLOGIA, 14., 2009, Rio de Janeiro. Anais… Rio de Janeiro: Sociedade Brasileira de Sociologia, 2009.

BETTIO, J. A. de. Constatação de procedimentos irregulares e deficiência no medidor ou demais equipamentos de medição. Florianópolis: CELESC, 2001.

CALILI, R. F. Desenvolvimento de Sistemas para Detecção de Perdas Comerciais em Redes de Distribuição de Energia Elétrica. 2005. 157f. Dissertação (Mestrado em Engenharia Elétrica) – Pontifícia Universidade Católica (PUC/Rio), Rio de Janeiro, RJ, 2005.

CHURCILL, G. A; PETER, J. P. Marketing: criando valor para o cliente. São Paulo: Saraiva, 2000. 627 p.

CIPOLI, J. A.; MARCO, M. A.; SIMÃO, N.; FROTEROTTA, S. E.; ANICIO, J. B.; FREDES, M. A. P. Desenvolvimento de metodologia de análise, acompanhamento e redução de perdas em sistemas elétricos de distribuição. In: CONGRESSO DE INOVAÇÃO TECNOLÓGICA EM ENERGIA ELÉTRICA (CITENEL), 3., 2005, Florianópolis. Anais... Florianópolis: ANEEL, 2005.

COBRA, M. H. N. Marketing Básico: uma abordagem brasileira. 4. ed. São Paulo: Atlas, 1997. 552 p.

DAMATTA, R. Relativizando: uma introdução à antropologia. Petrópolis: Vozes, 1981. 246 p.

EMPRESA ENERGÉTICA DE MATO GROSSO DO SUL S/A (ENERSUL). Relatório de Responsabilidade Socioambiental 2009. Revista Enersul-Rede Energia, Campo Grande, MS, 2010.

ENGEL, James F.; BLACKWELL, Roger D.; MINIARD, Paul W. Comportamento do Consumidor. 8. ed. Rio de Janeiro: LTC, 2000. 641 p.

FERREIRA, G. G. L. Desenvolvimento de um sistema baseado em regras para detecção de fraude em unidades ligadas em baixa tensão. 2007. 54 f. Monografia (Curso Ciência da Computação) – Universidade Federal de Santa Maria, Santa Maria, RS.

FERREIRA, Hamilton Melo. Uso de ferramentas de aprendizado de máquina para prospecção de perdas comerciais em distribuição de energia elétrica. 2008. 87f. Dissertação (Mestrado em Engenharia Elétrica) – Faculdade de Engenharia Elétrica e de Computação / Universidade Estadual de Campinas (FEEC/Unicamp), São Paulo, SP, 2008.

FOIATTO, N. Sistematização do reconhecimento de irregulares que caracterizam fraude em medidores de energia elétrica. 2009. 98 f. Dissertação (Mestrado em Engenharia da Produção) – Escola de Engenharia, Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, RS, 2009.

FOUCAULT, M. Vigiar e Punir. Petrópolis: Vozes, 1999. 262 p.

GIL, Antônio Carlos. Como elaborar projetos de pesquisa. 4. ed. São Paulo: Atlas, 2007. 175 p.

GÖNEN, T. Electric Power distribution system engineering. McGraw-Hill series in electrical engineering. New York: McGraw-Hill, 1986. 737 p.

KOTLER, Philip. Administração de marketing: análise, planejamento, implementação e controle. 5. ed. São Paulo: Atlas, 1998. 848 p.

KOTLER, Philip; KELLER, Kevin Lane. Administração de marketing. 14. ed. São Paulo: Pearson Education do Brasil, 2012. 765 p.

______. Administração de marketing. 12. ed. São Paulo: Pearson Prentice Hall, 2006. 750 p.

LAZO, Juan G.; et al. Identificação e prevenção de perdas comerciais no faturamento. In: Congresso de Inovação Tecnológica em Energia Elétrica, 2005, Florianópolis. Anais... Florianópolis, Centro Sul, 2005.

MICHEL, M. H. Metodologia pesquisa científica Ciências Sociais. São Paulo: Atlas, 2005. 138 p.

NETO, E. A. C. A. Metodologia probabilística para estimação de perdas técnicas e comerciais em alimentadores de sistemas de distribuição. 2013. 209p. Tese (Doutorado em Engenharia Elétrica) – Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis, SC, 2013.

PATRICIO, C. M. M. M. Detecção de fraude ou erro medição em grandes consumidores de energia elétrica utilizando Rough Sets baseado em dados históricos e em dados em tempo real. 2005. 136 f. Dissertação (Mestrado em Engenharia Elétrica) – Universidade Federal de Mato Grosso do Sul, Campo Grande, MS, 2005.

PENIN, C. A. S. Combate, prevenção e otimização das perdas comerciais de energia. 2008. 227f. Tese (Doutorado em Engenharia) – Escola Politécnica, Universidade de São Paulo, São Paulo, SP.

PORTILHO, M. F. F. Sustentabilidade Ambiental, consumo e cidadania. São Paulo: Cortez, 2005. 255 p.

REIS FILHO J. Sistema Inteligente Baseado em Árvores de Decisão, para Apoio ao Combate às Perdas Comerciais na Distribuição de Energia Elétrica. 2006. 174 f. Dissertação (Mestrado em Engenharia Elétrica) – Universidade Federal de Uberlândia. Uberlândia.

RICHERS, Raimer. O enigmático mais indispensável consumidor: teoria e prática. Revista da Administração, v. 19, n. 3, p. 46-56 jul./set. 1984.

SANT’ANA, A. Propaganda: teoria, técnica e prática. São Paulo: Atlas, 1989. 372 p.

SARTI, C. A. A família como espelho: um estudo sobre a moral dos pobres. São Paulo: Cortez, 2003. 152 p.

SCHIFFMAN, Leon G.; KANUK, Leslie Lazar. Comportamento do consumidor. 6. ed. Rio de Janeiro: LTC, 2000. 476 p.

SILVA, Denise Simões da. Gerência de Recuperação de Energia, da ENERSUL. Entrevista concedida à pesquisadora, nov. 2013.

SILVA, Fábio Henrique Pinheiro. Gerência Financeira, da ENERSUL. Entrevista, cedida à pesquisadora, nov., 2013.

SOLOMON, Michael R. O comportamento do consumidor: comprando, possuindo e sendo. 5. ed. Porto Alegre: Bookman, 2002. 446 p.

TELLES, V. S., HIRATA, D. V. Cidade e práticas urbanas: nas fronteiras incertas entre o ilegal, o informal e o ilícito. Estudos Avançados, v. 21, n. 61, p. 173-191, 2007.

VIDINICH, Ricardo e NERY, Gustavo Alexandre Lopes. Pesquisa e Desenvolvimento contra o furto de energia. Revista Pesquisa e Desenvolvimento da ANEEL – P&D, n. 3, p, 15, 2009.

VIEIRALVES, E. X. Proposta de uma metodologia para avaliação das perdas comerciais dos sistemas elétricos: o caso de Manaus. 2005. Dissertação (Mestrado em Planejamento de Sistemas Energéticos) – Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), Campinas, SP, 2005.

YACCOUB, Hilaine. Atirei o pau no “gato”: uma análise sobre consumo e furto de energia elétrica (dos “novos consumidores”) em um bairro popular de São Gonçalo – RJ. 2010. 274f. Dissertação (Mestrado em Antropologia) – Instituto de Ciências Humanas e Filosofia, Universidade Federal Fluminense, Niterói, RJ, 2010.

Publicado
2016-09-22