As potencialidades turísticas de Costa Rica

  • Ana Claudia Rodrigues Marques
  • Cristiane Ferrari
  • Patrícia Anne Souza
  • João Francisco Leite Vieira
Palavras-chave: Costa Rica, Balneário Municipal, Desenvolvimento, Turismo, Infra-estrutura

Resumo

O presente artigo diz respeito ao município de Costa Rica e aponta agrande potencialidade do balneário municipal. Para comprovação foi realizada visita“in loco” para inventariar o local e analisar seu potencial, otimizar a ocupação e exploração ordenada do espaço, com atividades de lazer e turismo, que atendam às expectativas dos clientes. Foram realizadas entrevistas com os consumidores visando identificar o perfil da demanda para melhor ofertar os produtos e atrativos existentes no local. Na análise e avaliação do balneário, foram levantados os pontos fortes e fracos, as oportunidades e os riscos do desenvolvimento da atividade turística no local. Constatou-se que o município é propício ao turismo, fato já observado em âmbito regional e nacional. A cidade tem condições de receber o turista, porém necessita de melhorias na infra-estrutura específica (hotéis, restaurantes, agências, transporte, etc) e na infra-estrutura de apoio (hospitais, estradas pavimentadas, posto de combustível, etc). A cidade possui o principal elemento para o turismo: recursos naturais em abundância, porém carece de profissionais qualificados. Uma administração comprometida com o desenvolvimento sustentável e o apoio da comunidade é fundamental para o desenvolvimento do turismo. Um bom planejamento das atividades direcionado a alcançar os objetivos do desenvolvimento turístico, é responsável por uma grande fonte de emprego e renda na localidade, podendo alavancar o desenvolvimento do município.

Referências

ANDRADE, José Vicente. Turismo: fundamentos e dimensões. 5 ed. São Paulo: Ática, 1998.

AZEVEDO, Israel Belo de . O prazer da produção cientifica. 5 ed. Piracicaba - SP: UNIMEP, 1997.

BARRETO, Margarita N. Angeli. Planejamento e organização em turismo. Campinas - SP: Papirus, 1991.

BARRETO, Margarita N. Angeli. Manual de iniciação ao estudo do Turismo. Campinas - SP: Papirus, 1995. (Coleção Turismo)

DENCKER, Ada de Freitas Maneti. Métodos e técnicas de pesquisa em turismo. São Pulo: Futura, 1998.

IGNARRA, Luiz Renato. Fundamentos do turismo. São Paulo: Pioneira, 1999.

LAKATOS, Eva Maria, Marconi, Marina de Andade. Metodologia do trabalho científico. 4.ed. São Paulo: Atlas, 1992.

LINDBERRG, Kreg; HAWKINS, Donald (org.). Ecoturismo: um guia para planejamento e gestão. São Paulo: SENAC São Paulo, 1995.

RUSCHAMANN, Doris Van de Meene. Turismo e planejamento sustentável: a proteção do meio ambiente. Campinas - SP: Papirus, 1997. (Coleção Turismo).

SEVERINO, Antônio Joaquim. Metodologia do trabalho científico. 21.ed São Paulo: Cortez, 2000.

Revista Família Aventura, ed.15. São Paulo: Peixes, fevereiro de 2000.

Revista Terra, ano 10. n.º 1, ed. 105. São Paulo: Abril, janeiro de 2001.

Publicado
2016-05-10
Como Citar
Rodrigues Marques, A. C., Ferrari, C., Souza, P. A., & Leite Vieira, J. F. (2016). As potencialidades turísticas de Costa Rica. Multitemas, (29). Recuperado de https://multitemas.ucdb.br/multitemas/article/view/786
Seção
Artigos