As praças de Campo Grande: um olhar na memória e na educação patrimonial

  • Maysa Faracco Universidade Católica Dom Bosco
  • Arlinda Cantero Dorsa Universidade Católica Dom Bosco
Palavras-chave: Patrimônio. Cultura. Desenvolvimento local

Resumo

Este artigo é fruto de uma pesquisa ainda parcial de mestrado, voltada à análise histórica e patrimonial das praças urbanísticas de Campo Grande- MS. Tem-se por objetivo geral levantar algumas questões sobre o papel do patrimônio cultural, da cultura, da memória enfatizando a educação patrimonial como base do desenvolvimento local. O procedimento metodológico seguido foi a revisão bibliográfica e os resultados obtidos, ainda que parciais, indicam que o desenvolvimento poderá acontecer se houver a presença do respeito, da alteridade, do pluralismo e da diversidade do conhecimento ou seja, a capacidade de aprender a preservar os lugares de memória e o patrimônio comum.

Referências

ARGAN, G. C. A história da arte como história da cidade. São Paulo: Martins Fontes, 1992.

ARANTES, Antonio Augusto (Org). Produzindo o passado. São Paulo: Brasiliense/CONDEPHAAT, 1984.

BARZUN, Jacques. Da alvorada à decadência: a história da cultura ocidental de 1500 aos nossos dias. Rio de Janeiro: Campus, 2002.

BELTRÃO A. R. Patrimônio cultural: novas fronteiras. Disponível em: <http://www.estig.ipbeja.pt/~ac_direito/artigo_3.pdf>

DA MATTA, Roberto. Carnavais, malandros e heróis. Rio de Janeiro: Zahar, 1981.

______. O que faz o brasil, Brasil? Rio de Janeiro: Rocc, 1999 a.

LE GOFF, Jacques. História e memória. Campinas: Ed. Unicamp, 2003.

FROEHLICH, J. M.; VENDRUSCOLO, R.; MACIEL, C. A. R. da; DULLIUS P. R.

Narrando territorialidade: identidade territorial da quarta colônia – RS. Disponível em: <http://www.sober.org.br/palestra/13/818.pdf>.

FONSECA, M.C.L. O patrimônio em processo: trajetória da política federal de preservação no Brasil. Rio de Janeiro: UFRJ/Iphan, 1997.

FREITAS F. J. de.; BRAGA, P. L. A. M. Questões introdutórias para uma discussão acerca da história e da memória. Revista Histórica. 13 de agosto de 2006. Disponível em: <http://www.historica.arquivoestado.sp.gov.br/materias/anteriores/edicao13/materia03/>.

HORTA, Maria de Lourdes Parreira et al. Guia básico de educação patrimonial. Brasília: IPHAN/ Museu Imperial, 1999.

MORAES, Allana Pessanha. Educação patrimonial: uma proposta curricular. Campos dos Goytacazes, RJ, 2005. Disponível em: <http://www.cereja.org.br/arquivos_upload/allana_p_moraes_educ_patrimonial.pdf>.

MOREIRA, Raimundo Nonato Pereira. História e memória: algumas observações. Disponível em: <http://www.fja.edu.br/proj_acad/praxis/praxis_02/documentos/ensaio_2.pdf>.

ROCHA, Lurdes Bertol. Praças do centro da cidade de itabuna: aspectos histórico-geográficos, significado e funções. Disponível em: <http://www.uesb.br/anpuhba/artigos/anpuh_I/lurdes_bertol_rocha.pdf>.

SANTOS Cecilia Rodrigues. Novas fronteiras e novos pactos para patrimônio cultural. São Paulo em Perspectiva, São Paulo, v. 15, n. 2, abr./jun. 2001 .

SILVA, Elsa Peralta da. Patrimônio e identidade. Os desafios do turismo cultural 2004. Disponível em: <http://ceaa.ufp.pt/turismo3.htm>.

TEIXEIRA, Simonne; MORAES, Allana et al. Educación Patrimonial: aprendiendo a conocer el Patrimônio Cultural. In: PRIMERAS JORNADAS DEL MERCOSUR y SEGUNDAS BONARENSES SOBRE PATRIMONIO CULTURAL Y VIDA COTIDIANA. Novembro/2004. La Plata – Argentina. Anais… (Texto publicado integralmente em CD-Rom, ISBN 987-21148-6-2).

TELES, Edson Luis de Almeida. Passado, memória e história: o desejo de atualização das palavras e feitos humanos. Revista Urutágua, Maringá, Ano I, n. 03, Dezembro de 2001. Quadrimestral. ISSN 1519.6178. Disponível em: <http://www.urutagua.uem.br//03teles.htm>.

Publicado
2016-02-15
Seção
Artigos